Orações e Mensagens

Orações e mensagens dirigidas a Deus norteiam nosso pensamento e nosso coração para um encontro pessoal com Ele. Presente em nossa vida, Deus é um gracioso dom, fonte inesgotável que sacia nossa sede de paz e de amor. Uma mensagem atinge o mais profundo de nosso ser quando acolhemos a Graça. E uma oração, quer seja despojada das coisas exteriores ou repleta de preces, tem o objetivo de aspirar a bondade divina e pedir sua proteção constante em nossa vida. (Frei Edrian Josué Pasini, OFM)

Importante. Divulguem este blog.

Importante. Divulguem este blog.
Caso alguém seja autor de algum texto ou imagem contida neste blogue e, não tenha sido creditada a sua autoria por meu desconhecimento, peço que me contatem imediatamente a fim de serem dados os devidos créditos. Agradeço.

Pesquise aqui

Carregando...

terça-feira, 13 de abril de 2010

NOVENA À SAGRADA FAMÍLIA

Hoje iniciarei uma novena à Sagrada Família, intercedendo pela saude de minha netina. Junte-se a nós.

Novena à Sagrada Família.
(Pe. Luiz Alexandre de Souza)

Oração Inicial

Sagrada Família de Nazaré, Jesus, Maria e José, sois exemplo para todas as nossas famílias. Fostes uma família única no mundo, vivendo uma existência anônima e silenciosa numa pequena localidade da Palestina. Uma família provada pela porbreza, pela perseguição, pelo exílio, que glorificastes a Deus de modo incomparavelmente puro. Nós vos pedimos, não deixeis de ajudar todas as nossas famílias.
Que São José, "homem justo", trabalhador incansável, guardião da Sagrada Família, também guarde, proteja e ilumine a nossa família.
Que a Virgem Maria, Mãe da Igreja, seja também a Mãe da "Igreja Doméstica" e que, com o seu auxílio materno, a nossa família seja verdadeiramente uma família Cristã.
E que Cristo Senhor, Rei das famílias, como em Caná, esteja presente em nosso lar e nos conceda luz, felicidade, serenidade e fortaleza.
A Jesus, Maria e José confiamos a nossa família. 

1º Dia: 
 Reflexão:
A FAMÍLIA, PRIMEIRA EDUCADORA DA FÉ

A família cristã \igreja doméstica, participa da missão evangelizadora da Igreja, e tem como primeiros e principais destinatários de seu missionário os próprios filhos e familiares. os pais transmitem a fé aos seus filhos com o testemunho de sua vida cristã e com a sua palavra.

2º Dia: 
Reflexão:
A FAMÍLIA, PRIMEIRA EXPERIÊNCIA DA IGREJA

A família é a primeira experiência de Igreja que as pessoas recebem. Os pais levam seus filhos para serem batizados e os preparam para receber a Primeira Comunhão e a Confirmação. depois, ensinam-lhes a amar a Virgem Santíssima e participam na Missa do domingo. A fé cresce e se desenvolve nos corações dos filhos com estas experiências tão bonitas que dão sentido à vida e infundem paz no coração.

3º Dia:
Reflexão:
A FAMÍLIA, TRANSMISSORA DE VALORES E VIRTUDES HUMANAS

A família é o ambiente mais apropriado para o ensinamento e transmissão de valores culturais, éticos, sociais, espirituais e religiosos, que são essenciais para o desenvolvimento e bem estra de toda a sociedade. A família é a primeira escola das virtudes sociais, que todos os povos necessitam. O amor deve ser a alma da família e graças a ele nascem relações desinteressadas e de solidariedade profunda. A família prepara seus filhos para viver em sociedade em um clima de respeito, justiça e verdadeiro diálogo.

4º Dia:
Reflexão:
A FAMÍLIA ABERTA AO PRÓXIMO

Os pais devem ajudar os fillhos a descobrir o próximo, especialmente o necessitado, e a realizar pequenos, mas constantes serviços: compartilhar com os seus irmãos os brinquedos e presentes, ajudar os que são mais novos, dar esmola ao pobre na rua, visitar os familiares enfermos, acompanhar os avós, e perdoar as ofensas que receberam. estas ações, repetidas com frequência, formam a mentalidade e criam hábitos bons. Os filhos enfrentarão a vida com predisposição do amor ao próximo, e assim serão capazes de criar uma sociedade nova.
5º Dia:
Reflexão:
A FAMÍLIA, A PARÓQUIA E A ESCOLA

Os pais são os primeiros e principais educadores dos filhos. Entretanto, a família não está sozinha nessa nobre tarefa; ela conta também com a colaboração da escola e da paróquia. Família, escola e paróquia são tr~es realidades que devem agir integradas e unidas pela educação dos filhos. Quanto maior a colaboração entre elas, mais eficaz será a educação dos filhos.
6º Dia:
Reflexão:
A FAMÍLIA E O MODELO DE NAZARÉ
segundo os evangelhos a Sagrada Família de Nazaré é uma família constituída com base e no matrimônio de Jose e maria. Jesus foi filho verdadeiro de maria. São José não foi o pai natural - porque não gerou -, mas suposto, quer dizer: considerado pelos vizinhos de Nazaré como pai de Jesus. A família de Nazaré apresenta-se hoje como exemplo de casal formado por um homem e uma mulher, unidos por amor de uma forma permanente e com uma dimensão pública.
7º Dia:
Reflexão:
A VIDA COTIDIANA DA SAGRADA FAMÍLIA

A família de Nazaré viveu de uma maneira singela, humilde, pobre, trabalhadora, amante das stradições da sua nação, profundamente religiosa e afastada dos centros depoder religioso e civil. Aparentemente nada distinguia a Sagrada família do resto das famílias de Nazaré: a casa, o modo de vestir, a comida, a participação dos atos na sinagoga... Deus nos quis revelar que a vida cotidiana é o ambiente onde Ele nos espera para que Lhe amemos e realiemos seu projeto sobre nós.

8º Dia:
Reflexão:
A VIDA DE TRABALHO DA SAGRADA FAMÍLIA

Os Evangelhos assinalam claramente que São José era um trabalhador manual e que ganhava a vida trabalhando. maria se dedicava, como todas as mulheres casadas, a moer e cozer o pão de cada dia, atender os trabalhos do lar e fazer pequenos serviços. E jesus ajudava seus pais nos trabalhos manuais. A família de Nazaré viveu o trabalho como realidade maravilhosa que dá uma participaçã na obra criadora de deus, que serve para suprir as necessidades da própria família, ajudar a outros e para santificar-se por meio dele. Também nisto é um modelo perfeito para a família atual.
 9º Dia:
Reflexão:
A VIDA RELIGIOSA DA SAGRADA FAMÍLIA

A família de Nazaré era uma família israelita profundamente crente e praticante.Rezavam sempre em cada refeição, iam todasas semanas escutar a leitura e a explicação do Antigo Testamento na sinagoga e subiam a Jerusalém para celebrar as festas de perigrinação, como a Páscoa e pentencostes. A oração na hora das refeições, a participação na missa do domingo e a leitura da Sagrada escritura continuam sendo fundamentais para que a família cristã realize sua missão educadora.
Oração Final:

Oh Deus, que na Sagrada família nos deixastes um modelo perfeito de vida familiar vivida na fé e na obediência da vossa vontade, ajudai-nos a ser exemplo de fé e amor aos vossos mandamentos.
Socorrei-nos na nossa missão de transmitir a fé aos nossos filhos. Abri seus corações para que cresça neles a sememnte da fé que receberam no batismo. Fortalecei a fé dos nossos jovens, para que cresçam no conhecimento de Jesus. Aumentai o amor e a fidelidade em todos os casais, especialmente naqueles que passampor momentos de sofrimento ou dificuldade. Amparai os idosos, para que tenham perseverança diante das provações da vida.
Unidos com José e Maria, pedimos-vos por Jeusu Cristo vosso Filho, nosso Senhor. Amém.
Ave-Maria, Pai Nosso e Glória...
A Jesus, Maria e José confiamos a nossa família.
AMÉM

Imagens